02/10/2017

Quatro aterros na região de Ribeirão estão em situação irregular, aponta a Cetesb

Fonte: AmbienteBrasil A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) classificou como irregular a situação de quatro aterros na região de Ribeirão Preto (SP). Segundo o órgão, as áreas destinadas ao lixo em Guaíra (SP), Cristais Paulista (SP), Cássia dos Coqueiros (SP) e Taquaritinga (SP) não atingiram a nota mínima de 7 pontos no Índice de Qualidade de Aterros […]
29/09/2017

Seis brasileiros têm a mesma riqueza que os 100 milhões mais pobres

Fonte: Envolverde Redação CartaCapital –  Relatório da Oxfam também mostrou que os 5% mais ricos detêm a mesma fatia de renda que os demais 95% da população Um novo relatório da ONG britânica Oxfam a respeito da desigualdade social no Brasil mostra que os seis brasileiros mais ricos concentram a mesma riqueza que os 100 milhões de brasileiros mais pobres. Os dados estão no relatório A […]
29/09/2017

Óleo na casa dos outros não é refresco

Fonte: Greenpeace Na manhã desta quinta-feira (28), nossos ativistas surpreenderam os funcionários da Total com um “derramamento de óleo” na porta de seu escritório, e uma mensagem clara e direta: “O povo disse não, a Ciência disse não, o Ibama disse não. Fique longe dos Corais da Amazônia”. A empresa não pode mais fingir que ignora o alto risco disso […]
28/09/2017

Etanol de segunda geração poderá ser economicamente viável a partir de 2025

Fonte: Agência FAPESP Elton Alisson | Agência FAPESP – O etanol celulósico, obtido da palha e do bagaço da cana-de-açúcar e também conhecido como etanol de segunda geração (2G), poderá ser economicamente viável a partir de 2025 se forem transpostas as atuais barreiras agrícolas, industriais e tecnológicas para produzi-lo e se o setor sucroenergético brasileiro superar a estagnação em que se encontra. A […]
28/09/2017

Aves nativas reaparecem em bairros centrais de São José dos Campos

Fonte: Envolverde por Júlio Ottoboni, especial para a Envolverde –  Diversas espécies de aves ressurgiram no cenário urbano de São José dos Campos nos últimos anos. São vistos desde integrantes da família dos falconídeos como o carcará e os gaviões como pinhé e o carijó até um aumento na população de pássaros como  sabiá , bem-te-vi e  joão-de-barro , tucano e maritaca. […]