20/01/2020

Ceasa vai transformar resíduos em adubo para agricultura familiar

Maquinário, adquirido pela Seagri, tratará da compostagem de material orgânico despejado em aterro; meio ambiente, desta forma, é resguardado. O GDF, por meio da Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (Seagri), adquiriu um maquinário para tratar da compostagem de resíduos orgânicos na Granja do Ipê, unidade da pasta no Park Way. Pelo menos 300 toneladas de hortifrútis descartados mensalmente […]
14/01/2020

Brasil terá 1ª usina de geração de energia por meio de esgoto e lixo orgânico

O Estado do Paraná será o primeiro do Brasil a colocar em funcionamento uma usina de geração de biogás, que transformará lodo de esgoto e resíduos orgânicos em eletricidade para abastecer as casas da região. A companhia de geração de energia CS Bioenergia já possui a Licença de Operação do Instituto Ambiental do Paraná para operar. Segundo a empresa, a […]
14/01/2020

Brasil descarta mais de 30 milhões de toneladas de alimentos

Descartar comida boa. O ato impacta não só a economia e o acesso de milhões de pessoas a uma alimentação saudável, mas também o meio ambiente. No Brasil, o descarte de resíduo orgânico é alarmante: são quase 37 milhões de toneladas por ano, basicamente, restos de alimento — a quantidade é quase 50% de todo o lixo recolhido no país. […]
14/01/2020

Reino Unido quer ser neutro em carbono em 2050

O governo do Reino Unido anunciou ontem sua meta de atingir neutralidade de carbono em 2050. Na análise do Observatório do Clima, o compromisso, programado para ser enviado pela premiê Theresa May ao Parlamento hoje, torna o país, berço da Revolução Industrial, o primeiro membro do G7 a dar tal passo. O novo cenário deverá aumentar a pressão sobre outras […]
13/01/2020

Sem a Polônia, UE aprova compromisso para neutralizar carbono até 2050

Negociações para a aprovação do compromisso demoraram quase 9 horas. Com exceção da Polônia, os líderes da União Europeia (UE) aprovaram nesta quinta-feira o compromisso de neutralizar as emissões de carbono do bloco até 2050. “Acordo para a neutralidade climática em 2050. O Conselho Europeu consegue um acordo neste importante objetivo”, escreveu no Twitter o presidente do órgão, Charles Michel, sem […]

Uma das discussões do Fórum Econômico Mundial, que aconteceu em Davos em Janeiro deste ano, foi sobre o futuro do trabalho. Acompanhando o tema em diversas palestras que já vimos sobre o futuro, já tínhamos a informação de pesquisas que estimam que 65% das crianças na escola possivelmente terão profissões que não existem nos dias atuais.

Uma equipe de profissionais acompanhou os painéis em Davos observando as discussões sobre o tema e então, imaginaram e desenvolveram o conceito de 6 profissões do futuro. O renomado artista francês Florian de Gesincourt, em parceria com a agência digital AKQA, o estúdio Happy Finish, e o Misk Global Forum,  transformou os conceitos abstratos em ilustrações.

1.Reciclador de Aterros

A foto em destaque no título desta matéria representa este profissional. Diante da situação de sobrecarga dos aterros sanitários em todo o mundo, essa profissão não nos surpreendeu. Mas continuamos acreditando e trabalhando para conscientizar pessoas e empresas a reduzir a quantidade de lixo gerado, repensando o fluxo de materiais utilizados e fazendo uma gestão de resíduos inteligente.

2.Eticista de tecnologias públicas

Ilustração de Florian de Gesincourg - Futuro do Trabalho - WEF - publico (Foto: Divulgação)

(Foto: divulgação)

Pautado em princípios éticos o profissional tem o papel de avaliar se uma tecnologia será boa para uso público.

3.Operador de impressora 3D

Ilustração de Florian de Gesincourg - Futuro do Trabalho - WEF - construção (Foto: Divulgação)

(Foto: divulgação)

Espera-se que a tecnologia das impressoras 3D avance e atinja produções de estruturas de grande porte, que serão usadas em construções civis, por exemplo. Esse profissional deverá ser capaz de operar tais impressoras.

4.Cirurgião remoto robotizado

Ilustração de Florian de Gesincourg - Futuro do Trabalho - WEF - robo (Foto: Divulgação)

(Foto: divulgação)

Hoje robôs já fazem pequenas cirurgias sendo comandados a distância por seres humanos, em áreas de guerra, por exemplo. Em 20 anos robôs poderiam fazer isso em larga escala, sendo comandados por médicos através de conexões 5G.

5.Conservacionista de identidade nacional

Ilustração de Florian de Gesincourg - Futuro do Trabalho - WEF - monumentos (Foto: Divulgação)

(Foto: divulgação)

Preservar a história nacional, usando de recursos tecnológicos como realidade virtual será uma das responsabilidades desse profissional.

6.Engenheiro de Blockchain

Ilustração de Florian de Gesincourg - Futuro do Trabalho - WEF - blockchain (Foto: Divulgação)

(Foto: divulgação)

A tecnologia disruptiva do blockchain terá profissionais dedicados para aumentar sua infraestrutura.

Segundo Peter Sondergaard, VP da Gartner Insights, em 10 anos os trabalhos exigirão mais inteligência, análise e  criatividade, e o que é repetitivo será feito por máquinas. Tais mudanças já estão exigindo novos modelos de aprendizagem e desenvolvimento assim como a criação de locais de trabalho híbridos que combinam tecnologia e informação para receber equipes multifuncionais.

Fonte: Gartner e Época Negócios

 

Seu evento pode gerar impacto positivo
e obter redução de custo com a gestão de resíduos.

Saiba como, aplicando os princípios do movimento Sou Resíduo Zero

 

 

20/02/2018

Reciclador de aterros será profissão do futuro

Uma das discussões do Fórum Econômico Mundial, que aconteceu em Davos em Janeiro deste ano, foi sobre o futuro do trabalho. Acompanhando o tema em diversas palestras que já vimos sobre o futuro, já tínhamos a informação de pesquisas que estimam que 65% das crianças na escola possivelmente terão profissões que não existem nos dias atuais. Uma equipe de profissionais […]
05/04/2017

Pesquisa da Embrapa identifica microalgas que geram biocombustíveis

Fonte: Heloisa Cristaldo – Repórter da Agência Brasil Pesquisa de biocombustíveis realizada em Brasília pela Embrapa Agroenergia identificou espécies de microalgas que podem ser cultivadas em resíduos líquidos de processamento em agroindústrias, gerando matéria-prima renovável. Além dos combustíveis, podem ser gerados, entre outros produtos, rações e cosméticos. Os estudos duraram três anos e também identificaram espécies na biodiversidade brasileira. Os estudos […]
04/09/2015

Série de esculturas coloridas mostra o que está acontecendo com o plástico que jogamos fora

Série de esculturas coloridas mostra o que está acontecendo com o plástico que jogamos fora Fonte: Hypeness O artista multimídia Alejandro Durán nasceu na Cidade do México e vive no Brooklyn, em Nova York (EUA). Uma temática bastante retratada em seus trabalhos é a intervenção humana na natureza, como essa série de esculturas que ele criou e fotografou, num projeto […]
02/09/2015

O LADO NEGRO DO MERCADO DE RESÍDUOS ELÉCTRICOS E ELETRÔNICOS

O LADO NEGRO DO MERCADO DE RESÍDUOS ELÉCTRICOS E ELETRÔNICOS Fonte: Green Savers O volume de aparelhos eléctricos e electrónicos incorrectamente geridos na Europa (4,7 milhões de toneladas) é dez vezes maior do que o dos resíduos electrónicos exportados para outros países sem documentação (400.000 toneladas), de acordo com uma investigação de dois anos sobre o funcionamento do mercado de […]