24/11/2020

Comércio grande gerador precisa emitir MTR: novo documento eletrônico para gestão de resíduos

Estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços que gerem no território nacional resíduos perigosos e resíduos não perigosos – como sobras de tecidos, papeis e resíduos equiparados aos domésticos, porém em grande quantidade –, deverão emitir, a partir de 1º de janeiro de 2021, o Manifesto de Transporte de Resíduos (MTR). Estas empresas, consideradas grandes geradores, também devem ter Plano […]
09/11/2020
Foto por Cleber Souza para UOL

Lixo invade estação da linha 6-Laranja do metrô; obra se arrasta há 5 anos

“Aqui é um caos. Às vezes eu acho que não vou ver esse metrô pronto nunca”, reclama André do Nascimento, 58, que mora na Brasilândia, zona norte de São Paulo, há 50 anos. O “metrô” a que ele se refere é a Linha 6-Laranja, que começou a ser construída em 2015, mas teve as obras paradas em setembro de 2016, […]
03/11/2020

Pequenas marcas de cosméticos dão exemplo sustentável de ponta a ponta

Desde a escolha da matéria-prima, de fontes renováveis, até a entrega do produto, para garantir destino das embalagens, empreendedores veem alta nas vendas com busca por mais saúde na pandemia Conheça as iniciativas Óleo corporal de calêndula para problemas de pele e inflamações, suavizador vegano de olheiras com alecrim e olíbano, água micelar orgânica com extrato de aloe vera, gel […]
20/10/2020

Os descaminhos do Lixo – Opinião Estadão

Há um grande contingente de pessoas não atendidas por serviços de coleta, e o setor apresenta déficits consideráveis em relação à coleta seletiva, recuperação de materiais e disposição dos resíduos sólidos Nos últimos anos houve uma melhora quantitativa e qualitativa na cobertura de coleta de lixo no Brasil. O avanço, contudo, foi bem menor do que o necessário: há um […]
15/10/2020

Mercado Municipal Kinjo Yamato intitulado como o primeiro Mercado Sustentável da cidade de São Paulo

Sobre o mercado A história do Mercado Municipal Kinjo Yamato tem início no antigo “Mercado Caipira” ou “25 de Março dos produtos hortifrutis”, como era chamado o local antes instalado na Várzea do Parque Dom Pedro e que se tornou conhecido pela comercialização de frutas, legumes e verduras provenientes dos campos onde trabalhavam imigrantes japoneses. Como complemento de renda, esses […]

Fonte: thegreenestpost

Estima-se que, até 2017, terão mais plástico que peixes no oceano. Muitas marcas já se mostra preocupada com esse dado e tenta reduzir o impacto causado por suas operações ao produzir peças ou coleções exclusivas feitas a partir de lixo de oceano. Até uma máquina que recolhe esse material dos mares já foi construída por um bilionário. Toda iniciativa é válida!

Uma iniciativa do Greenpeace e da ONG #breakfreefromplastic estudou as praias da Filipinas e rankeou as 10 principais empresas responsáveis pela poluição do oceano. O país é o terceiro maior do mundo quando o assunto é o poluição do mar, segundo o Greenpeace. Abaixo, você confere a lista:

  1. Nestle
  2. Unilever
  3. PT Torabika Mayora
  4. Universal Robina Corporation
  5. Procter & Gamble
  6. Nutri-Asia
  7. Monde Nissin
  8. Zesto
  9. Colgate Palmolive
  10. Liwayway

Algumas empresas são locais e não possuem muita presença nesse lado do oceano, mas conseguimos ver o grande impacto de multinacionais. “Eles poderiam, por exemplo, praticar uma responsabilidade estendida, onde empresas substituem embalagens não reutilizáveis e não recicláveis por novos sistemas, como os refis”, explica Abigail Aguilar, ativista do Greenespeace na Filipinas.

O estudo foi realizado ao longo de uma semana, quando um grupo de pessoas limparam a praia e auditaram o lixo encontrado. No total, foram quase 55 mil unidades de lixo recolhidos e estudados. Sapatos, canudos, sacolas, garrafas… a natureza do lixo variou bastante, mas o material era quase sempre o mesmo vilão: plástico.

Isso prova uma máxima importante: quando jogamos algo fora, não há “fora”, esse material irá permanecer em nosso planeta e, uma hora ou outra, irá impactar nosso meio ambiente.

 

srzz

O que você irá deixar para o mundo?

Conheça o Sou Resíduo

27/10/2017
lixo-em-ilha-no-pacifico

Estudo revela quais são as 10 empresas mais responsáveis pela poluição do oceano

Fonte: thegreenestpost Estima-se que, até 2017, terão mais plástico que peixes no oceano. Muitas marcas já se mostra preocupada com esse dado e tenta reduzir o impacto causado por suas operações ao produzir peças ou coleções exclusivas feitas a partir de lixo de oceano. Até uma máquina que recolhe esse material dos mares já foi construída por um bilionário. Toda iniciativa é válida! Uma iniciativa […]
20/09/2017

Embalagens primárias e secundárias: conceito e relação com o meio ambiente

Fonte: PensamentoVerde A embalagem é um item que foi criado para proteger a integridade de um produto durante o transporte e armazenamento, sendo também um acessório primordial para divulgar a marca e representar sua identidade visual. Para o consumidor, é justamente na embalagem que ele pode obter informações importantes a respeito do produto que está sendo adquirido, tais como: composição, […]
01/09/2017

Mineração é motivo para reduzir áreas protegidas também no sudoeste do Pará

Fonte: MMA Não é só na região da Reserva Nacional de Cobre e Associados (Renca), entre Pará e Amapá, que áreas protegidas estão sob ataque para beneficiar a mineração. A Floresta e o Parque Nacional de Jamanxim, no sudoeste do Pará, também estão na mira. Após o governo apresentar ao Congresso em regime de urgência o Projeto de Lei (PL) […]
28/08/2017

Entenda o que é e pode ser considerado poluição térmica e como afeta o meio ambiente

Fonte: Pensamento Verde Por não ser facilmente detectada, a poluição térmica é pouco conhecida pela maioria das pessoas, mas pode causar tantos danos à natureza quanto os tipos de poluição já conhecidos. Ela acontece quando há uma alteração antinatural na temperatura de oceanos e rios, atingindo diretamente o ecossistema da Terra e seus habitantes. Por ser invisível, detectar a poluição […]